Arquivo da tag: futurismo

Futurismo para o inverno.

PAINEL - FUTURE

O futurismo ainda continua sendo referência para novos modelos, branco total, linhas arredondadas e o metalizado viraram assinatura para alguns criadores. O futurismo está presente nesse inverno e no próximo 2017 continua.

PAINEL 1

Vamos mergulhar em uma viagem espacial com o retrofuturismo. Vai ano passa ano, e André Courrèges é relembrado.

PAINEL 2

Materiais mais encorpados, botas brancas e modelagens geométricas já foram relidas e continuam sendo referência para os criadores atuais.

PAINEL 3 PAINEL 4

*

Por Elizangela Gomes, professora do Núcleo de Criação da Sigbol Fashion.

Referências: 12345678910111213141516171819202122 e 23.

André Courrèges disse adeus ao mundo da moda.

Courrèges, sinônimo da moda dos anos 60, foi um dos responsáveis da alta moda jovem da época. Sua marca registrada era a estética futurista inspirada na corrida espacial com a chegada do homem à lua. Em 1964 lançou sua coleção Space Age. André Courrèges junto com sua esposa Coqueline lançou sua marca 1961.

PAINEL 1

Ainda hoje quando falamos sobre modernidade lembramos das criações de Courrèges, que nos dias atuais ainda é inspiração para muitos criadores.

foto 4 foto 5 foto 9 PAINEL 2

André Courrèges morre aos 90 anos depois de 30 anos convivendo com o mal de Parkinson. Mas quando falarmos de moda futurista, vamos sempre lembrar dos seus modelos que marcaram a década de 60.

PAINEL 3

Courrèges se aposentou aos 90 anos, mas sua esposa continuou o legado. Em 2011, Jacques Bungert e Frédéric Torloting compraram a marca.

Na temporada de primavera verão,  aconteceu o primeiro desfile com os novos criadores Sebastien Meyer e Aenaud Vaillant que estão na direção até hoje.

foto 11 foto 12 foto 19 foto 20

*

*

Por Elizangela Gomes, professora do Núcleo de Criação da Sigbol Fashion.

 

Referências:  123456789101112131415, 16171819 e 20.

Moda Futurista

Os anos 60 foram considerados uma das décadas mais futuristas da história, e, como tal, é referência e tornou-se tendência para as próximas estações, como vimos em diversos desfiles internacionais. Marcas como Prada, Dior, Chanel e Louis Vuitton, entre outras, buscaram inspiração nesta época, para o inverno 2016.

FOTO01

A década de 60 volta renovada e misturada com referências atuais, como peles, pêlos e bordados em 3D, todos super modernos. Já faz algumas coleções, os anos 60 vem sendo constantemente revisitados, principalmente por ser uma época relacionada a evolução tecnológica que também estamos vivendo nos dias atuais.

FOTO01

Os criadores olharam para o passado, e surgiu daí um mix de história da moda, que foi recriado para as roupas dos dias atuais.

FOTO02

O mais marcante dos anos 60 foram a criação da minissaia e a explosão da moda jovem. Também foi a década em que o homem pisou pela primeira vez na lua, o que impulsionou alguns criadores a desenvolver coleções com temas futuristas, trazendo muitas estampas geométricas, vestidos trapézios e tubulares e a pop art (que também foi transferido para as estampas), além do grande uso de matérias primas sintéticas.

FOTO03

A Prada trouxe em sua coleção um mix desta época, E brincou com a silhueta trapézio e os laços típicos da década. Para deixar as peças um pouco mais modernas, usou e abusou dos bordados em 3D. Os sapatos e os casacos também são releituras dos anos 60.

FOTO04

Já o desfile da Louis Vuitton brincou com as listras, também características da década de 60, assim como as estampas geométricas em geral.

FOTO05

A Chanel também usou como inspiração as texturas e os volumes dos anos 60, para seu inverno 2016.

FOTO06

Nas passarelas nacionais, o futurismo também foi fonte de inspiração para o verão 2016 e, com certeza, continuará para o inverno 2016.

FOTO07

*

Por Elizângela Gomes, professora do Núcleo de Criação da Sigbol Fashion.

Referências: 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7 e 8