Arquivo da tag: Curiosidades

A história e curiosidades sobre o couro

A palavra couro destina-se ao material oriundo exclusivamente da pele animal, curtida por qualquer processo, utilizado como matéria nobre para a confecção de diversos artefatos para uso pessoal.

O couro foi um dos primeiros materiais utilizados pelos seres humanos para se proteger e aquecer o corpo. Mas antigamente ele apodrecia com facilidade, pois não existia processos ou agentes químicos na época.

Pesquisadores acreditam que as primeiras evidências do uso de couro curtido são do Egito antigo, 3 mil anos a.C. Nos túmulos egípcios foram encontradas sandálias de couro e vários outros produtos feitos com pele animal. O estado de conservação destas peças milênios depois, mostra que a técnica de curtir o couro já era conhecida a muito mais de quatro mil anos atrás.

O processo de curtimento do couro feito pelo povo hebreu na Idade Antiga, era feito com a casca do carvalho e é possível que tenham aprendido esta técnica durante o período em que ficaram no cativeiro no Egito.

Também, na idade Antiga, os pergaminhos usados para escrever textos, mensagens, etc. eram feitos de peles curtidas de ovelha, cabras, ou bezerro.

Na China, a fabricação de objetos em couro já era muito praticada antes da Era Cristã.

Pouco tempo antes do século XX, químicos americanos observaram algumas ocorrências durante o trabalho de curtir as peles. Descobriram agentes que deixavam o couro mais flexível do que curtido pelo processo tradicional. Com isso, passaram a realizar um novo processo para curtir o couro, agora à base de óleo e sabão. Este processo foi um grande avanço para a indústria de calçados, tornando a milenar técnica de curtimento de couro com as cascas de árvores muito menos usada.

Hoje, graças a tecnologia avançada, existem diversas possibilidades de substituição do material.

*

Pelo núcleo de criação da Sigbol.

Referências: 123456.

Manual História da Moda – Sigbol

Telma Barcellos

Curiosidade: Por que o Jeans encolhe?

Você sabia?

O tecido passa por processos em máquinas que esticam suas fibras, naturalmente encolhidas. Isso quer dizer que todo o vestuário está com seus fios esticados e sob tensão.

Ao modelar para  uma peça no tecido jeans (denim), devemos levar em consideração o seu encolhimento. Para descobrir o quanto  o tecido encolhe, na cartela de tecidos do fornecedor, o encolhimento trama e urdume é destacado de forma fácil para compreensão de todos os envolvidos na criação e na modelagem.

O encolhimento do tecido é realizado no setor de qualidade do fabricante do tecido seguindo normas internacionais de padrões de qualidade da indústria têxtil.

A cartela abaixo mostra como são destacadas as informações de encolhimento do tecido.

Também aconselhamos lavar o tecido antes de cortar a peça, não somente o jeans, como a maioria. Gostou da dica? Então deixa um comentário e uma sugestão pra gente. 💙

*

Por Paola Sanguin, professora do núcleo de criação da Sigbol Fashion

Referências: 1, 2, 3, 4, 5.

Você sabe o que significa a sigla YKK que vem impressa no cursor do zíper?

As vezes ficamos pensado que as siglas significam uma mensagem sublimática, mas nem sempre é o que parece.

Aquela sigla qufoto 1e vem impressa no cursor do zíper YKK nada mais é que o nome da empresa japonesa Yoshida Kogyo Kabushiki Kaisha, responsável por cerca de 90% dos zíperes produzido no mundo todo, a empresa foi fundada por Tadai Yoshida em 1934 que levou o nome de Yoshida Indústria Limitada.

Com 206 instalações industriais em 52 países, a empresa IKK produz por dia cerda de 7 milhões de zíperes confeccionados, suas maiores fábricas ficam no estado da Geórgia e Estados Unidos. FOTO 3

A empresa também produz botões, outros tipos de fechos e máquinas aza zíperes.

Talvez não paramos para reparar que os zíperes vem com esta inscrição, geralmente em mochilas, jaquetas e braguilhas, a probabilidade é altíssima 9 em cada 10 dos aviamentos vem com esta sigla.

O segredo dfoto 2o sucesso está no que o Sr, Yoshida batizou de o “Ciclo de Bondade”, trata-se de um princípio de que “ninguém prospera a não ser que traga benefícios aos outros”, a partir dai o Sr, Yoshida se comprometeu a produzir os melhores e mais famosos zíperes que já existiram.

 

ultima

*

Por: Ana Paula, professora do núcleo de modelagem da Sigbol Fashion

Referências: 1, 2, 3, 4, 5, 6.

Moda & Arte – Ilusão de Ótica

anna-higgie-illustrations-2

Em algum momento você já deve ter se deparado com alguma foto ou imagem de uma ilusão de ótica. Ela mexe bastante com nosso inconsciente, pois muitas vezes ficamos por algum tempo sem saber o que está ocorrendo, enxergamos várias coisas, rostos, animais, objetos, em qualquer lugar. Pode ser em azulejos e quadroseye-optical-illusion1, benjamins, etc.

Damos o nome de ilusão de ótica às imagens que enganam o nosso sistema visual. A ilusão faz com que enxerguemos qualquer coisa que não esteja presente ou faz com que enxerguemos imagens de uma forma errada.

A imagem de um objeto, transmitida pela visão ao cérebro, é decifrada e interpretada. Porém, em determinadas condições, essa interpretação pode ser errônea, pois temos DOLOR-EP-artwork-released-on-Technicolour-Records-Illustration-by-Anna-Higgiecerta dificuldade em comparar ângulos, comprimentos e distâncias. A essa ela que damos o nome de ilusão de ótica.

E isso vem durante muito tempo na história. E o mundo fashion adquiriu como uma forma conceitual e até mesmo alternativa para o dia a dia, disfarçando o quadril, a barriguinha, o comprimento e a largura. Equilibrando e atraindo o olhar para outras áreas específicas do nosso corpo.

10

As peças com efeitos ópticos são incríveis e provam de forma ainda mais clara e definitiva como a roupa pode influenciar o desenho da silhueta.

Em relação à moda e arte, muitos estilistas já atribuíram a ilusão de ótica como conceito do seu desfile, em busca de design e inovação no mercado.

viktor-rolfu

*

Por Paola Sanguin, professora do núcleo de criação da Sigbol Fashion

Referências: 12, 345.