A clássica estampa de poá

O poá se tornou um ícone da moda na década de 50 e tem uma forte ligação com as Pin-ups. De lá para cá, nunca mais saiu de moda.

blogModacad-estampa-poa-pinup-1

Existem algumas divergências sobre a criação da estampa de Poá. O primeiro registro do termo “polka dot”, que é um dos nomes dados a esta estampa, foi na revista literária Yale, Volume 122, página 7 no ano de 1854.

Outra história conta que o poá ficou popular com a Polka, dança típica da Polônia, no fim do século XIX. Segundo os registros, alguns pesquisadores acreditam que a estampa de bolinhas foi inspirada nos movimentos circulares dessa dança festiva.

 

Na terceira história, muita gente acredita que o produtor de cinema Walt Disney criou esta estampa para sua personagem Minnie Mouse, para se destacar das listras e xadrez que estavam na moda na época.

Apesar de existir a muito tempo, a estampa atingiu seu o auge nos anos 50. Na sequência dos anos 40, marcados pela sobriedade e looks mais sérios, as bolinhas trouxeram leveza, diversão, romantismo e feminilidade para a moda.  E seguiu sendo um sucesso também nos anos 60. Conquistou estilistas como Dior e marcou figurinos de estrelas de Hollywood, como Marilyn Monroe e Audrey Hepburn. Virou até tema de música, como a versão em português da canção “Itsy bitsy teenie wennie yelow polka dot bikini – (Era um biquíni de bolinha amarelinho)”, interpretada por Brian Hyland, estourou nas paradas de sucesso!

Atualmente o poá continua conquistando e dando destaque em vários looks por aí, seja moderno ou vintage, segue desbravando os estilos mais variados e ganhando as passarelas

*

Referências: 1, 2, 3, 4, 5, 6.

Manual Técnico Sigbol História da Moda

Pelo Núcleo de Criação da Sigbol.

DICA SIGBOL: Filmes, Séries e Documentários disponíveis! PARTE 1

Com as nossas rotinas transformadas nos últimos meses por conta da pandemia,  podemos usar os momentos de “isolamento” para aumentar nossa bagagem cultural com filmes, livros, documentários, boas histórias e novas formas de absorver e fazer conteúdo. Aqui segue uma lista de filmes, séries, documentários e desfiles muito interessantes que te ajudaram na hora de criar!

  • Studio Ghibli

Studio Ghibli é um estúdio de produção de animações japonesas mundialmente conhecido e aclamado! Suas produções nos levam para diferentes épocas e lugares orientais, importantíssimos para os estudantes de história da Moda e para quem busca inspiração! Suas cores, ambientes, cenários são super coloridos e cheios de detalhes, vale a pena conferir cada uma deles!

E todos os filmes estão disponíveis na plataforma Netflix!

Studio Ghibli GIF - Find & Share on GIPHY

 

  • Queer Eye

Queer Eye é uma série americana de 2018 apresentada por especialistas na área de culinária, design, cultura, cuidados pessoais e moda!  Juntos, esses especialistas formam um time de megaprodução para melhorar a vida dos participantes do reality show, não só com cuidados externos mas com cuidados internos também! É super emocionante e divertido!

Também disponível na Netflix!

Season 2 Netflix GIF by Queer Eye - Find & Share on GIPHY

 

  • Next In Fashion

Para quem gosta exclusivamente de Moda e quer entender como a criação e a costura acontecem é esse o momento!

Next In Fashion é uma produção da Netflix, um reality show que conta com 18 participantes que precisam passar por desafios semanais que envolvem desenvolver looks dentro de um tema pré selecionado, cuidando da criação, produção e styling de cada look desenvolvido.

France Fashion GIF by NETFLIX - Find & Share on GIPHY

 

  • Rupaul’s Drag Race

Seguindo o gênero de reality shows de competição temos o sucesso de Rupaul’s Drag Race, aclamada pelo público a mais de 10 anos, a fórmula do programa sempre foi a mesma: semanalmente, as drag queens competidoras participam de gincanas e provas orientadas por RuPaul, onde são testadas suas habilidades em canto, dança, costura, talento, humor e personalidade. A eliminação é progressiva, em cada episodio uma participante é eliminada. Ao sobrar uma determinada quantidade de participantes é realizada a final do programa consagrando a vencedora.

RuPaul GIFs - Find & Share on GIPHY

 

  • Os delírios de consumo de Becky Bloom

Seguindo para os nossos filmes queridinhos, temos Os delírios de consumo de Becky Bloom, uma comédia romântica que conta a história de Rebecca, uma garota que adora fazer compras e seu vício a leva à falência. Seu grande sonho é um dia trabalhar em sua revista de moda preferida, mas o máximo que ela consegue é um emprego como colunista na revista de finanças. Os figurinos dão um show a parte nos mostrando diferentes formas de combinar texturas e cores! É incrível, e bem divertido também! Disponível na Netflix!

Confessions Of AShopaholic Becky Bloom GIF ...

 

  • O Diabo veste Prada

Este é um clássico que adoramos, também uma comédia romântica que conta a história de Andy Sachs, uma aspirante a jornalista, que acaba trabalhando como estagiária numa revista de Moda, A RUNWAY! O filme mostra que o mundo da moda não é superficial e o desenrolar da personagem de Anne Hathaway nos esclarece isso!

Looks Andy – O diabo veste Prada – Laís Mendonça

 

  • Animais Noturnos

Animais Noturnos, diferente do que já vimos na nossa lista, é um drama cheio de simbolismos, dirigido pelo estilista Tom Ford, que por si só já é uma lição de casa e tanto! O drama conta as desavenças de um casal que lida com o abandono e escolhas divergentes!

☮ ♀ ☯ ♋: amém Amy Adams!

 

  • The weird science of Alexander Mcqueen

Agora com performances e desfiles incríveis temos Alexander Mcqueen, mais um artista que um estilista, que tragicamente faleceu em 2010 nos deixando um legado incrível e pessoal que nos faz questionar até onde é MODA e até onde é ARTE!

No vídeo abaixo, Alexander questiona a massificação da indústria da moda, onde máquinas supostamente substituem a mão de obra humanizada!

 

  • A costura do invisível

Em 2004, no SPFW, elaboradíssimas roupas construídas em delicado papel eram desfiladas por modelos com perucas playmobil numa performance que simulava um desfile de moda. As roupas foram confeccionadas em papel vegetal de diversas gramaturas e modeladas milimetricamente sobre os corpos das modelos de forma primorosa. Foram consumidas meia tonelada de papel e mais de 700 horas de trabalho.

O que acontece após o desfile é surpresa! Confira:

 

*

Por Mayara Behlau, professsora do Núcleo de Criação da Sigbol.

Referências: 1, 2, 3, 4, 5 e 6

 

Ajudar tá na Moda: a origem das máscaras cirúrgicas!

Em tempos como o que vivemos, as máscaras tornaram-se os itens básicos e mais procurados no mundo.

O design das famosas máscaras usadas por médicos durante o surto de peste negra na Europa em 1600, durante a Idade Média eram alongadas pareciam como grandes bicos de pássaros e possuiam dois orifícios nas narinas.

Gravura em cobre de médico durante a epidemia de peste em Roma, século XVII (Foto: Wiki Commons)

As primeiras máscaras cirúrgicas começaram a ser utilizadas por médicos em 1897. O material consistia em um lenço amarrado ao redor do rosto.

Em 1911 a produção de máscaras teve um salto, e o item passou a ser usado por médicos, soldados e pessoas comuns. A invenção não só ajudou a impedir a propagação de pragas, como se tornou símbolo da ciência médica moderna.

Marcas e grifes famosas não ficaram para trás; por exemplo, Louis Vuitton interrompeu sua produção para fabricar acessórios de proteção e doá-los para as equipes médicas!

1

Sem título

Pensando nisso, nós da Sigbol, criamos o Concurso: Ajudar Tá Na Moda! Concorrendo a 4 máquinas de costura nossos alunos com o auxílio dos professores criarão peças, kits e acessórios para a prevenção ao Covid-19 (podem ser máscaras, toucas, aventais, jalecos, etc). A categorias a serem premiadas serão:

  • ORIGINALIDADE
  • PROTEÇÃO
  • VIABILIDADE PRODUTIVA
  • VOTO POPULAR

E já tem aluno com a mão na massa, o Rêner Lopes por exemplo, está produzindo máscaras com fibra de algodão!

Está esperando o que para contribuir para essa causa que todos precisamos e todos podemos ajudar?

*

Por Mayara Behlau, professora no Núcleo de Criação da Sigbol.

Referências: 1 e 2

Passo a Passo – Porta Moedas

Material:

  • Retalho de Tecido (sintético)
  • Tesoura
  • Botão de Pressão (ou velcro)
  • Caneta
  • Fita Métrica

1º –  Faça um Retângulo de 16 cm por 8 cm e um pequeno de 6 cm por 2 cm.

2º – Marque 6 cm, 6 cm, 4 cm e arredonde a parte de cima. Depois corte.

3º – Posicione a alça na marcação, dobre a marca e costure ou cole. 

4º – Prenda com botão de pressão ou velcro.

 

DICA SIGBOL: Como ser mais criativo!

Todo mundo possui criatividade em si, mas isso não quer dizer que exista uma única forma de expressá-la. Ela se manifesta de formas diferentes e, por isso, pode ser estimulada de variados modos.

giphy

Existem pesquisas da neurociência e dicas de especialistas que servem para qualquer cérebro. Segundo Mark Randall, chefe de estratégia e vice-presidente de criatividade digital da Adobe e Keith Sawyer, um dos maiores especialistas em criatividade dos Estados Unidos, vejam:

  • Valorize suas ideias! 

A maioria dos grandes artistas não davam a mínima para a opinião dos outros. Valorize seus rabiscos, mesmo que ninguém mais os valorize.

  • Façam perguntas! MUITAS PERGUNTAS!

Certa vez, perguntaram a Albert Einstein como ele resolvia problemas, e ele respondeu que, se tivesse uma hora para resolver um problema e sua vida dependesse disso, ele passaria 55 minutos definindo a pergunta certa a fazer.

  • Rebele-se!

Para descobrir um problema e resolvê-lo da melhor forma possível, você precisa enxergá-lo. Se você aceita a realidade como ela é, dificilmente você vai teorizar sobre como ela poderia ser diferente.

  • Abra caminhos!

Por isso, pessoas criativas geralmente se dedicam a assuntos sobre os quais elas nada sabem só pelo hobby. O gosto pela variedade também pode ser aplicado a pessoas. Quanto mais diverso é seu grupo de amigos, melhor. Ter a cabeça aberta pode ajudar você a ter ideias inovadoras.

  • Exercite o cérebro!

Essas ondas de criatividade são ativadas por atividades que relaxam o cérebro, como quando você fecha os olhos, medita ou corre. Charles Darwin, por exemplo, estava lendo uma tese de Thomas Malthus sobre população por pura diversão quando conseguiu cristalizar sua teoria de seleção natural. Se Darwin conseguiu, você também consegue.

  • Crie!

Quanto mais você criar, seja em desenhos ou peças, textos, anotações, mais criativo você se tornará!

giphy (1)

No mundo da Moda ser criativo é indispensável, desde a criação do croqui até o último ponto na peça confeccionada! E se você tem dificuldade com essas etapas, nos nossos cursos de Criação você desenvolve o melhor que a sua criatividade pode oferecer!

*

Por Mayara Behlau, professora do Núcle de Criação da Sigbol

Referências: 1 e 2